sábado, 31 de janeiro de 2009

PAMELA PARA VIVIENNE WESTWOOD


Está aí uma das campanhas publicitárias mais aguardadas da temporada, a de Vivienne Westwood para a colecção de Verão 2009, e que conta com a participação de Pamela Anderson, da própria Vivienne e também do seu marido Andreas Kronthaler. Fotografados por Juergen Teller em Malibu, este trio posou para uma campanha muito bem conseguida, afinal quem melhor que a própria criadora e o seu companheiro para promover o seu producto, mais empenho é dificil de conseguir, depois se juntarmos a mediática Pamela Anderson conseguimos uma fórmula de sucesso.

PARIS ARRISCA MAIS QUE MILÃO



Os compradores são unânimes, ao afirmarem que as propostas de Milão são apostas mais seguras em termos comerciais, quando comparadas com o vanguardismo a que assistimos em Paris. Podemos tomar como exemplo as peles para homens, em Milão tivemos 3 casacos de pele todos em preto, mas em Paris tivemos coletes, ponchos, como os de Gareth Pugh(foto da esquerda), sem esquecer o avental de Galliano, e ainda Thierry Mugler (foto grande em cima) com um gorro oversized e também foi polémico ao apresentar um animal inteiro, sobre os ombros dum dos modelos. É este equilibrio que deve ser muito dificil de encontrar para os criadores, se por um lado lhes é pedido criatividade e arrojo, nunca podem deixar de ter em mente a parte comercial e que em ultima análise o objectivo final será a venda das suas colecções. Eu por mim aplaudo Paris.

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

GARETH PUGH PELA PRIMEIRA VEZ NO MASCULINO

Foi em Paris que Gareth Pugh nos brindou com a sua primeira colecção masculina, neste caso para o Inverno 2009. O jovem estilista avant-garde, tem vindo a ser aclamado pelos media pelas suas colecções femininas, chegou a hora dos homens desfrutarem do talento do britânico, aqueles que tiverem coragem, bom gosto e carteira para isso, por exemplo o cantor Jay-Z já pode vestir a mesma label que a sua cara metade, já que Beyonce é uma fã das criações de Pugh, tanto que usou algumas delas num dos seus últimos videoclips. Quanto à colecção é indiscutível o ar gótico a julgar pela cor, quase todas as peças são em negro, e pelas aplicações de picos de metal. Apesar de monocromática, Gareth consegue inovar com esta colecção, nos cortes, nas texturas, enfim uma lição de criatividade que é de saudar, depois de vermos mais do mesmo em Milão. Este senhor com apenas 27 anos tem atrás dele, o grupo LVMH de marcas de luxo onde se engloba a Louis Vuitton entre outras, para além da Dior Homme.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

VELUDO FOI REI

Foi na Fashion Week de Milão, que tivemos uma enorme oferta de criações em veludo, tendo como novidade para o Inverno 2009 uma paleta de cores nada habituais neste tipo de material, como as calças verde lima da Emporio Armani ou o inesperado rosa fuchsia no blaser da Dolce and Gabbana. Temos ainda o fato azul noite estampado com pontos cinza da Gucci. A Gianfranco Ferré traz como novidade um casaco 3/4 em negro. Estas são mesmo uma amostra mínima, já que quase todos os criadores presentes em Milão, renderam-se ao veludo e alguns como Armani, teve o veludo presente em mais de 50% das suas criações, tanto na Emporio Armani como na sua primeira linha Giorgio Armani.

domingo, 25 de janeiro de 2009

FRED PERRY BY RAF SIMONS

Aí temos o resultado da colaboração iniciada em 2008, entre uma das mais interessantes marcas de sportswear do momento, a Fred Perry, e o actual director criativo da Jil Sander, o talentoso designer Raf Simons, que divide o seu tempo pela Jil Sander, pela sua própria marca com o seu nome, e ainda tem tempo para dar aulas de moda na universidade de artes aplicadas de Viena, e claro de participar em brilhantes colaborações como esta com a Fred Perry, como podemos comprovar nestas fotos da colecção de Verão 2009, e pensar que este senhor Belga começou por desenhar moveis, ainda bem que decidiu dar um novo rumo à sua carreira, e dedicar-se ao design de moda.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

MUITA PELE EM MILÃO

A Fashion Week de Milão, foi invadida por um sem fim de propostas em pele, algumas delas autênticas pérolas e que têm como principal característica um design e pormenores muito apurados principalmente por serem fabricadas em couro. Sem esquecer o avental de talhante de Alexander Mcqueen (que podem ver aqui neste blog no post Alexander Mcqueen em grande em Milão), outras propostas inovadoras foram o cardigan de Neil Barrett, o fabuloso fato de paraquedista da Gucci e as calças baggy de Gianfranco Ferré. Estas propostas nas fotos são apenas uma pequena amostra do enorme leque de opções em couro, apresentadas em Milão. A desvantagem é que pelo facto de serem em couro, estas peças vão ter de certeza, preços proíbitivos.

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

TOGUNA

Reunion Island, uma pérola no Oceano Índico, deu origem a uma banda com um som único e uma alma universal, os TOGUNA. Com influências de diferentes culturas e com uma forte personalidade, a música dos Toguna é uma brilhante fusão de Folk Rock, Reggae e Acoustic Soul, combinados com instrumentos típicos (slide guitar, Kayamb & Rouler), complementados com um trio vocal emotivo. Entre o entusiasmo e a emoção, nasce o álbum de estreia "Sans frontieres" são 12 canções fortes e sinceras com um profundo conteúdo lírico. Este álbum foi produzido pelos próprios Toguna e masterizado por Jim Fox em Washington DC. Os Toguna ganharam o prémio de "Melhor banda do ano" nos trophées des arts Afro-caribéens 2008. Com uma grande vibe, a música deles transmite aquela estranha sensação de paz, ideal para relaxar. Diamond mine é o single de estreia, e é divino, mas todo o álbum é uma viagem para os sentidos.
video

ALEXANDER MCQUEEN EM GRANDE EM MILÃO

A colecção de Mcqueen para o Inverno de 2009 é simplesmente fantástica. Para além dos dois elementos incontornáveis da colecção, o casaco de pele preto e o "talhante", na foto da esquerda em cima, vemos um desfile de requinte vintage com alguns modelos a fazer lembrar os finais do século 19, ou uma referência mais actual, o filme Gangs de Nova Iorque que retrata essa época, curiosamente uma das personagens principais é um talhante, quem sabe não foi aqui que Alexander foi buscar inspiração para a sua colecção, não se sabe, mas se fosse não fazia mal, porque pode não se gostar do filme de Scorsese, mas é unanime que tem um guarda roupa fantástico e capaz de inspirar qualquer um.

RACISMO NA MODA?

É tempo de, infelizmente voltar a colocar-se a questão, quando nove desfiles na Fashion Week de Milão apresentaram apenas modelos caucasianos nos seus desfiles. Negros, latinos ou asiáticos nem vê-los. Emporio Armani e Versace foram as excepções e incluíram modelos negros nas suas passagens. Jil Sander, Missoni, Burberry, Trussardi, Bottega Veneta, Gianfranco Ferré, Roberto Cavalli, Prada e Gucci foram os desfiles "all-white". Frida Giannini a estilista da Gucci em jeito de desculpa disse que anda sempre à procura de modelos negros e até chineses mas diz que as agências de modelos enviam-lhe sempre os mesmos books de modelos brancos. Com tanta opção de escolha, mais vale estarem calados a arranjarem desculpas como esta. É pena ver uma questão como esta a afectar o mundo da moda, que devia ser imune a complexos e discriminações, afinal tanto vanguardismo para umas coisas... Esta questão torna-se ainda mais irónica, porque neste momento a modelo que todos os criadores queriam ver a envergar as suas criações, é negra e é Michelle Obama, a primeira dama norte-americana.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

CASACOS DE PELE PARA HOMEM

Apesar da controvérsia, das muitas opiniões em contrário, alguns criadores continuam a apresentar casacos de pele para homem. Indiferentes aos movimentos de defesa dos animais, a Gucci, a Etro e Alexander Mcqueen, (da esquerda para a direita respectivamente na foto), apresentaram na Fashion Week de Milão, estas polémicas peças para o Inverno 2009. Os casacos são todos pretos e com um comprimento idêntico, 3/4. Polémicas à parte, uma coisa é certa ainda está para ser inventado algo que proteja tanto do frio como as peles de animais, utilizadas há séculos, sempre foram um sinal exterior de riqueza. Nesta época ecológica ainda temos muita hipocrisia, pessoas que condenam o uso de peles no vestuário e depois têm-nas em casa a servir de tapetes.

QUIET NIGHTS NOVO CD DE DIANA KRALL

A mulher mais sensual do Jazz mundial está de volta, Quiet Nights é o nome do próximo cd de Diana Krall, produzido por Tommy LiPuma com arranjos do alemão Claus Ogerman. Em entrevista para Associated Press, a cantora definiu o lançamento como sensual e erótico: "Eu penso que este disco é uma carta de amor, mas muito sensual, mais para o lado erótico. Tem, definitivamente, um clima de fim de noite". Quiet Nights será lançado no dia 31 de março, tendo nalgumas faixas o Brasil como referência. Apaixonada pelo país do carnaval e, sobretudo, pela música, Diana gravou três composições de Tom Jobim no novo cd, incluindo Quiet Nights of Quiet Stars, a versão em inglês de Corcovado, que inspirou o nome do álbum. Enquanto esperamos por mais uma ode para os sentidos por parte da maior diva do Jazz, podemos ouvir uma amostra do que será, brilhante com toda a certeza.

ARMANI ACUSA DOLCE GABBANA DE PLÁGIO

Pois é estalou o verniz em Milão, a razão desta acusação são umas calças que Armani desenhou para a a sua linha Emporio Armani na colecção de Inverno 2008, e agora ao ver o desfile da D&G para o Inverno 2009 sentiu-se copiado. E expressou à imprensa o seu descontentamento com o sucedido, e disse "hoje eles copiam-me, amanhã eles aprendem" e acrescentou "compreenderia se eles não fossem ninguém, mas assim sinceramente". A resposta não se fez esperar por parte do duo visado e disseram "temos muito que aprender mas não com ele", acrescentando "o estilo Armani não é nem nunca foi uma fonte de inspiração para nós, e já há muitos anos que desistimos de perder tempo a ver os seus desfiles". Quem apareceu a por lenha na fogueira foi Donatella Versace que veio dizer que se sentiria orgulhosa se fosse copiada. Na foto podem ver as duas criações em questão, se não identifica os criadores sem legenda fique a saber que a da esquerda é a suposta cópia da D&G, e a da direita é o suposto original da Emporio Armani. Bem uma coisa é certa, tanto corte e costura serve para dar alguma visibilidade a estas casas, que em termos criativos têm andado afastadas dos holofotes do mundo da moda.

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

A ESTREIA EUROPEIA DE THOM BROWNE

O que dizer da estreia de Thom Browne na Europa? Foi na Pitti Uomo em Florença, teve lugar num hangar militar dos anos 50, e contou com 40 modelos todos vestidos de igual, um fato cinza, bem curto ao melhor estilo de Browne, camisa branca, gravata slim cinza, cardigan cinza com faixas militares no braço e para terminar uma gabardine camel. A encenação era comandada por um suposto chefe que tocou um sino, foi quando os 40 modelos despiram a gabardine e o blaser e começaram a dactilografar nas maquinas de escrever, também elas dos anos 50 e todas iguais. Até o almoço foi igual para todos. É este estranho perfeccionismo que faz de Thom um criador diferente dos outros.

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

A COLECÇÃO STEPHEN SPROUSE DA LOUIS VUITTON




























Se há marca que é dinamica e que não pára no tempo a apreciar o sucesso alcançado é a Louis Vuitton. Depois de Kanye West no calçado masculino, de campanhas publicitárias inovadoras, como a da familia Coppola e a do Sir Sean Connery, é a vez de Marc Jacobs emprestar o seu talento à colecção Stephen Sprouse da marca de luxo parisiense. O resultado é algo nunca visto na LV, com estampados, coloridos e designs muito arrojados para os padrões conservadores da marca. Desde kits para o ginásio até à mais rebelde das novidades, um skate de 6275 euros com produção limitadíssima, apenas 3 unidades em todo o mundo.

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

ROBERT DOWNEY JR. O ETERNO REBELDE


Robert Downey Jr. é sem dúvida um dos últimos badboys de Hollywood, depois duma série de anos na penumbra, ensombrados pela dependência de drogas, teve um regresso em grande em 2008, e ainda bem porque os amantes da sétima arte e de actores verdadeiramente talentosos só sairam a ganhar. Mais uma prova da sua rebeldia foi a sua vestimenta no tapete vermelho dos globos de ouro 2009, onde foi o único a quebrar o dress code. Surgiu de ténis e gravata cinza, em vez do smoking clássico como todos os outros, muito bem acompanhado pela mulher da sua vida Susan Downey, que foi para Robert a luz no final do seu túnel.

domingo, 11 de janeiro de 2009

DIAMONDS AND PEARLS BY DOLCE & GABBANA


Diamonds and Pearls, é o nome do mais recente livro de grande formato, da dupla italiana. Domenico e Stefano reuniram algumas das suas criações mais interessantes, e fotografaram-nas em manequins, que com a brilhante produção fotográfica do livro quase parecem humanos. Todas as criações têm em comum entre si a utilização de pedras preciosas e semi-preciosas, daí o nome da obra Diamonds and Pearls. Deixo-vos uma pequena amostra, o livro está disponivel nas lojas da marca por 270 euros.

sábado, 10 de janeiro de 2009

PRIMEIRA CRIAÇÃO DE KANYE WEST PARA A LOUIS VUITTON

São uns sneakers totalmente brancos com que Kanye tem sido visto em Paris, onde agora trabalha para a prestigiada marca francesa depois de fazer uma pausa na sua carreira de cantor. Estes poderam ser adquiridos em Junho de 2009, ainda assim é com alguma apreensão que os fãs que esperavam uma linha completa de vestuário, para já vão ter que esperar mais um pouco pois Kanye vai dedicar-se e desenhar apenas calçado.

E depois da Fashion Week de Milão temos um grande plano dos novos sneakears, que estiveram presentes no último desfile da LV. Desta feita apresentados em conjunto com Marc Jacobs e numa versão em vermelho.

KARL LAGERFELD SEM PAPAS NA LÍNGUA


Este senhor diz o que lhe vai na alma, coisa que o seu estatuto permite, não mede as palavras e teve em grande numa recente entrevista à BBC, onde entre outras coisas disse que esta crise tinha a vantagem de fazer uma limpeza no mundo dos criadores de moda. Também defendeu todos os produtos de luxo, porque segundo ele pior do que não ter dinheiro para comprar um artigo de luxo, era eles nem sequer existirem para serem apreciados. Em relação à polémica questão do uso das peles na indústria da moda, mais uma vez Karl Lagerfeld foi perentório ao afirmar que num mundo de carnívoros, esta questão é uma brincadeira de crianças. Certamente referia-se a alguns colegas de profissão, que depois de anos a fio a utilizar peles aparecem agora como os maiores defensores dos animais. Podemos não concordar com tudo o que diz, mas eu bato palmas à coragem e frontalidade.

CRISE E DESPEDIMENTOS NO MUNDO DA MODA

A crise chega a todos, ninguém escapa nem a gigante Chanel que recentemente cancelou a continuídade da sua exposição Chanel Mobile Art e agora vê-se forçada a despedir 200 empregados, desde 16 empregados duma das suas lojas em Paris até aos departamentos de design e produção. A Louis Vuitton adiou a abertura duma megastore, e a Prada surpreendeu tudo e todos neste Natal ao colocar cartazes a anunciar os seus saldos, coisa nunca vista em lojas deste gabarito. A britanica Marks & Spencer vai fechar 27 lojas e despedir 1230 empregados. A Obedient Sons & Daughters, marca em clara ascenção, vai acabar por falta de verbas. A Americana Macy´s fecha 11 lojas e despede 960 empregados. Mas há esperança, Oscar de la Renta vai ter dois desfiles na New York Fashion Week, e recentemente contratou mais 15 empregados, fala-se do regresso aos desfiles de Paco Rabanne, afinal o mundo não acabou no ano 2000 como antevia o criador espanhol, Tom Ford vai abrir mais uma loja em 2009, desta feita em Rodeo Drive e depois de muita especulação o rumor acerca do fim da Men´s Vogue americana não passou disso mesmo, e ainda bem. Melhores tempos virão apesar da tão falada crise, não perca o bom gosto, pois este não se mede através do saldo bancário.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

CARTÃO DE CRÉDITO ROBERTO CAVALLI

A partir de 1 de Março de 2009, pode continuar a endividar-se, como bom português, mas desta feita com muito estilo. Pois é a partir desta data que vai estar disponivel o cartão de crédito de Roberto Cavalli, uma versão dum Mastercard com uma impressão de pele de cobra e umas iniciais em dourado. Os detentores do cartão vão receber informação em primeira mão sobre saldos e promoções e ainda convites para os desfiles do criador. Gaste dinheiro mas com estilo.

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

ACESSÓRIOS CLÁSSICOS VIRAM MODA


Desde sempre ligados a um vestuário muito clássico, e depois de algum tempo de ausência surgem numa versão mais moderna principalmente os alfinetes de gravata e os lenços na lapela. Estes acessórios transmitem agora uma imagem moderna e actual com muita elegancia. Tem que ter atenção ao lenço da mesma cor da camisa e aos modelos que escolhe para os botões de punho, porque neste campo a fronteira entre o ousado e a falta de gosto é muito pequena. Uma boa opção será o clássico preto e branco com todos os acessórios, conjugados com umas calças de ganga com bom corte. Para ajudar a este look moderno pode contar com camisas com punho duplo, para usar os seus botões de punho, mas com um corte cintado moderno e actual. Dê um toque de classe e modernidade ao seu look, tire o melhor partido do regresso destes fantásticos acessórios.